domingo, 30 de outubro de 2011

Carta de adeus.

Parecia que o que sentíamos um pelo outro duraria  uma eternidade. Adorava passar aquelas horas com você. Sentir a batida de seu coração, o calor de suas mãos, olhar o brilho dos seus olhos... Era como estar em uma dimensão magica brilhante e sedutora. Um lugar habitado por apenas dois seres que se amavam a mesma intensidade que precisamos do ar para viver e respirar.

Aqueles dias ficaram guardados em minha memória para sempre. Meu coração sempre irá disparar ao te ver ou sentir. Minha vida estará pela metade para o resto dos dias por não ter você ao meu lado. Mas sabe eu aceito isso, pois os segundos que vive em sua companhia são melhores do que nunca ter te encontrado.

E por isso que vou sempre te amar.

Te amo... 

Um comentário:

Ana Barbosa disse...

adorei a leitura.visite meu blog e siga=me